Pílula anticoncepcional: mitos e verdades

pilula-anticoncepcional-1

Apesar dos diferentes métodos contraceptivos já disponíveis no mercado, as mulheres continuam optando pela pílula anticoncepcional. Segundo dados divulgados pela Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), aproximadamente 100 milhões de mulheres no mundo utilizam esse método.

As dúvidas sobre os benefícios e os males que envolvem o longo consumo do medicamento surgem com frequência e, na era das redes sociais e das “fake news” (notícias falsas), os mitos também se propagam. Pensando nisso, separamos alguns mitos e verdades sobre as pílulas anticoncepcionais. Confira:

-Engorda?

Ocasionalmente. Alguns medicamentos podem causar retenção de líquido e aumento da vontade de consumir carboidratos, mas não é uma regra e a alteração é considerada pequena.

-Causa celulite?

Mito. A celulite é uma patologia que pode estar relacionada à predisposição genética, idade, obesidade, sedentarismo, alto consumo de doces e bebidas gasosas, disfunções circulatórias, gestação, tabagismo, disfunções hormonais, entre outros.

– Dá trombose?

Verdade. Dados da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) indicam que mulheres que usam anticoncepcional correm risco de quatro a seis vezes maior de desenvolver trombose em um ano do que aquelas que não utilizam métodos contraceptivos hormonais

-Causa perda de cabelo?

Ocasionalmente. Este pode ser um dos efeitos colaterais de métodos contraceptivos hormonais e que, por isso mesmo, não devem ser usados sem prescrição médica.

– Melhora a pele?

Verdade. Há uma melhora na pele porque o estrogênio tem a propriedade de aumentar a produção de uma proteína no fígado, a SHBG (steroid hormone biding globulin), que é responsável por diminuir a biodisponibilidade dos hormônios com efeitos androgênicos.

– Quem não pode tomar a pílula?

Não devem tomar pílulas contendo estrogênio as mulheres que tiveram trombose, portadoras de trombofilias hereditárias, histórico pessoal de acidente vascular cerebral, câncer de mama, hipertensas, tabagistas acima de 35 anos e aquelas que sofrem com enxaqueca com aura.

Gostou do nosso tema de hoje? Fique de olho aqui e nas nossas redes sociais, em breve, mais um tema bem bacana aqui no nosso espaço. Ah, e fique à vontade para sugerir assuntos que gostaria que abordássemos, vamos adorar!

Beijos da equipe Daxx/Higi!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s